domingo, 19 de julho de 2009

SOLIDÃO A MIM CONDENAR


Solidão veio pra ficar
Em meu peito morar
Pra jamais se apagar
O amor que sinto por ti

Comigo ela sempre estará
Se você não está
Levarei sempre aqui dentro
Todo este tormento

Cresce a cada dia
Esta saudade sadia
Enquanto houver saudade
Junto dela sempre haverá
A solidão a me condenar.

Nenhum comentário: